Exposições

Uma grande e inédita exposição sobre a lendária banda de rock inglesa Pink Floyd será montada no Victoria and Albert Museum, em Londres. The Pink Floyd Exhibition: The Mortal Remains marca a primeira reunião do grupo em um novo projeto desde os anos 1980, com objetivo de celebrar 50 anos do lançamento de Arnold Layne, o primeiro single da banda. A mostra apresentará uma jornada imersiva, teatral e multissensorial pelo extraordinário universo “pinkfloidiano”. Entre os itens dispostos estarão gravações inéditas de apresentações antológicas do grupo e um show de laser feito especialmente para a exposição. Mais de 350 artigos pessoais…

Compartilhar.

O mês de fevereiro tem mais uma atração em Londres: uma mostra fotográfica da artista plástica brasileira Cristina Schleder estará aberta ao público na Embaixada do Brasil, de 10 a 23 de fevereiro. A artista, de 64 anos e moradora de São Paulo, estudou Comunicação Visual na capital paulista, onde vive e trabalha desde então. Ao longo dos seus 35 anos de carreira, Cristina vem apresentando e representando a natureza. As técnicas utilizadas por ela têm o intuito de materializar o seu inconsciente, cujo reflexo está em toda a sua obra. Como fotógrafa, o estilo da artista se aproxima instintivamente da…

Compartilhar.

Um dos países com a maior diversidade do mundo, o Brasil é o lar de extraordinárias espécies de animais, mostradas em uma exibição que vai até 8 de janeiro em Londres. Com obras de renomados fotógrafos brasileiros, como João Marcos Rosa – fotógrafo premiado e autor da foto que ilustra esta matéria –, a mostra traz cliques singulares da vida na natureza brasileira, com o objetivo de alertar para os riscos de extinção das espécies devido a fatores como o aumento da poluição, o desmatamento e as mudanças climáticas. As imagens, cuidadosamente selecionadas pela curadora Alicia Bastos, trazem à Londres…

Compartilhar.

Todo mundo gosta de mostras de fotografia. Mas você já imaginou ir a uma com fotografias do espaço? Esta é a oportunidade! O famoso Observatório de Greenwich apresenta uma exposição com as melhores fotos de astronomia do ano. Imagens mágicas do céu, dos astros e das galáxias distantes podem ser contempladas em uma seleção que teve mais de 4.500 participantes de 80 países. Dos 140 finalistas de 2016, foram escolhidos 31 ganhadores para o prêmio, que terão suas obras expostas no local, com entrada gratuita. Um inspirador espetáculo artístico que estimula os sentidos e faz refletir sobre a beleza e a…

Compartilhar.

A capital inglesa recebe uma exposição que retrata a arte de Fernanda Merlino, pintora brasileira que vive há quase duas décadas na Inglaterra. Com um estilo orgânico e colorido, inspirado nas narrativas de figuras como Frida Kahlo, a artista brasileira, nascida em São Paulo, estudou artes em renomadas instituições do Reino Unido, como Central Saint Martins, Kensington & Chelsea College, Chelsea College of Art and Design e Goldsmiths College. Seu trabalho contempla paisagens e colagens feitas com a utilização de materiais como lápis, óleos e acrílico, através da abstração de linhas, formas e tintas. A densidade de diferentes texturas é…

Compartilhar.

A exposição do artista brasileiro Willys de Castro estará na galeria Cecilia Brunson Projects e tem o objetivo de introduzir o público a grandes nomes da arte moderna e contemporânea brasileira. O projeto já trouxe exposições de artistas como Claudio Tozzi e Alfredo Volpi e agora apresenta a mostra individual Willys de Castro: From Paintings to Objects 1950 – 1965, reunindo 21 obras, que vão das pinturas até os famosos Objetos Ativos, mostrando os primeiros anos do artista. Willys era reconhecido pela sua originalidade e por ser um dos artistas brasileiros mais inovadores e, por isso, chamava a atenção da…

Compartilhar.

Britânicos e brasileiros, juntos, sempre concretizam ideias interessantes. Um coletivo de arte britânico chamado MLF (Marshmallow Laser Feast) se uniu a artistas brasileiros para trazer à capital paulista um trabalho de realidade virtual exposto na mostra “Vestígios Paulistanos – Poética da Metrópole Distraída”, que estreou na Galeria de Arte Digital Sesi-SP no último dia 30 de setembro. O grupo, formado por nomes como Robin McNicholas, Ersinhan Ersin e Eleanor Whitley, saiu por São Paulo com 13 artistas brasileiros para captar imagens usando um dispositivo de escaneamento em 360 graus. Depois, as cenas foram recriadas no computador para se tornarem tridimensionais…

Compartilhar.

Com a curadoria de Gabriela Davies e obras de cinco artistas brasileiras – Alice Quaresma, Goia Mujalli; Marcia Thompson; Mariana Mauricio e Pauline Batista –, a exposição Mutable Archives traz à Embaixada do Brasil em Londres uma reflexão acerca das mudanças que estão ocorrendo no Brasil e no mundo. Com uma combinação de cores e estilos de pintura, artes visuais e fotografia, as obras promovem a sobreposição de diferentes narrativas que, associadas através de uma conexão conceitual, criam novos sistemas de informação com o desejo de gerar entendimento sobre a própria individualidade e as identidades coletivas. A mostra é gratuita.…

Compartilhar.

No projeto “Portraits of Nature” são apresentados catorze projetos que têm como objetivo explorar a cidade do Rio de Janeiro em relação à cultura e à força natural. A exposição mostra os contornos, formas e padrões do Rio com o apoio da tecnologia tridimensional, além de utilizar tecnologias antigas para destacar o que já existiu e o que há de novo. Estão expostos desenhos, modelagens e, como destaque, há grandes retratos digitais da cidade, com altura em torno de 2- 3 metros, inspirados no Manifesto Antropofágico de Oswald de Andrade. O trabalho foi planejado pelo arquiteto brasileiro Ricardo de Ostos…

Compartilhar.

Lucia Nogueira é uma artista goiana mais conhecida no Reino Unido do que no próprio Brasil. Após se formar em Jornalismo, se mudou para Londres em 1975, onde estudou pintura no Chelsea College of Arts e na Central School of Art and Design, estabelecendo um sólido trabalho com esculturas, instalações, vídeos e desenhos, frequentemente associados ao corpo e às relações entre objetos e a linguagem. O legado da artista, que faleceu prematuramente em 1998, recebeu reconhecimento da Fundação Cartier em 1993 e o Prêmio Paul Hamlyn de Artes Visuais em 1996, e pode ser conferido neste outono em uma exposição…

Compartilhar.