ENTREVISTA: Bate-papo rápido com Hugo Cortes

0

BBMag – Hugo, vamos começar do inicio: de onde você é? Onde você se sente em casa e conte-nos um pouco sobre sua família e infância.

HUGO– Nasci em Salvador, Bahia, em 8 de julho de 1984. Tive uma infância maravilhosa. Apesar de sermos pobres, eu era feliz. Lembro-me de brincar livre na rua, não como as crianças de hoje, com seus vídeo games.  Sinto falta da liberdade que eu tinha naquela época. Minha vizinhança é muito diferente do que era no Brasil. Cresci com minha mãe e minha avó: minhas heroínas. Elas me ensinaram muito. Elas me mostravam a realidade, então desde pequeno eu soube que com dedicação e foco eu poderia chegar onde quisesse na vida. Deixei o Brasil quando tinha 19 anos, quando fui contratado para o musical Rei Leão. Dali em diante minha vida mudou completamente.

 

BBMag – Qual a sua conexão com o Reino Unido hoje?

HUGO– Me mudei para Londres em 2005. Minha carreira como dançarino decolou mesmo a partir dali. Londres é minha segunda casa. Fiz várias tournées pelo Reino Unido, trabalhei no Royal Opera House, conheci o meu ícone da dança (Carlos Acosta), me apresentei para Michelle Obama e as primeiras-damas do G20, participei de filmes, revistas, TV… não poderia ser melhor.
BBMag – Qual a sua percepção da música e das artes brasileiras aqui no Reino Unido?

HUGO– Fantástica. A música produzida no Brasil é muito popular no exterior, especialmente a MPB. Todos os profissionais de dança brasileiros que conheço estão se dando bem. Além da habilidade técnica, nós sempre colocamos uma pitada extra de “tempero”, que nos destaca no meio da multidão.

 

BBMag – E o seu interesse na música, dança e artes quando começou?

HUGO– Cresci tocando percussão. Candomblé e capoeira me influenciaram desde cedo e ainda influenciam. No entanto, quando era adolescente eu vivia me machucando quando fazia capoeira e não tinha muito tempo livre para me dedicar aos estudos e às aulas de interpretação. Meu pai era diretor de uma companhia de dança, onde eu trabalhava (Balé Folclórico da Bahia). Ele me disse que eu deveria escolher uma coisa e me focar nela. Estou satisfeito de ter optado pela dança que me deu a oportunidade de viajar pelo mundo e de ter uma vida melhor.

 

BBMag – Conte-nos sobre sua carreira artística.

HUGO– Tenho uma carreira de sucesso. Fiz muitos sacrifícios, mas fui recompensado. Em junho de 2003 participei da seleção do elenco do Rei Leão, nunca teria imagino que eu teria chance. Foram mais de 800 candidatos! Dois meses depois, recebi uma ligação para fazer parte do elenco do musical na Alemanha. Foi uma mudança total de vida. Dali em diante não parei mais.

BBMag – Conta pra a gente sobre o espetáculo que você esta fazendo agora (STOMP).

HUGO– STOMP é perfeito, tem interpretação, música e dança. É um show super criativo, não me canso nunca. Há 10 anos que estou na companhia e ainda sinto um frio na barriga quando piso no palco. O show me dá oportunidade de colocar um pouco de mim no papel, é muito divertido.

 

BBMag – O que você gosta de fazer nas horas vagas? Você tem algum hobby?

HUGO– Adoro assistir filmes — nos meus dias de folga vou ao cinema. Também gosto muito de ler, mas acima de tudo adoro salsa. Quando não estou dançando a trabalho, danço para me divertir.

BBMag – Qual o seu conselho para jovens artistas que estão iniciando a carreira? 

HUGO– Estudar. Você tem que ser versátil e bem informado em qualquer coisa que fizer. Como músico, melhorando seu conhecimento sobre os diversos gêneros, vai ouvir melhor e tocar melhor. A mesma coisa com a dança. Estude o maior número de tipos de dança que você puder.  Mesmo que você opte por um estilo, sua mobilidade e versatilidade vão se tornar muito melhores.

BBMag – Finalmente, conte-nos um pouco sobre seus projetos futuros ou alguma outra coisa que queira compartilhar com nossos leitores.

HUGO– Recentemente me tornei técnico sênior da Apple, numa grande empresa aqui no Reino Unido. Adoro aprender e desenvolver novas aptidões. A tecnologia faz parte do nosso cotidiano, então me lancei nesse desafio de entender melhor o mundo tecnológico.

Compartilhar.

Sobre o Colunista:

BBMag Bossa Brazil Magazine

BBMAG Bossa Brazil Magazine is the only London-based bilingual publication specialised in Brazilian lifestyle.

Deixar Mensagem