A paisagem do Jardim Botânico Real está diferente

0

Uma escultura de alumínio no Jardim Botânico Real de Londres nos relembra um problema mundial: a extinção de diversos animais de nossa fauna, inclusive as abelhas, nos preocupa mais e mais a cada dia.

Na Europa, uma em cada dez espécies de abelhas estão ameaçadas de extinção. Isso acontece, por conta dos pesticidas, parasitas e da monocultura – que é o cultivo de apenas um tipo de alimento. As abelhas são fundamentais para a produção de frutas e flores, por causa da polinização, ou seja, dependemos delas, direta ou indiretamente, para que os alimentos sejam saudáveis e bonitos.

No Jardim Botânico de Londres a preservação das abelhas acontece de forma ativa, com diversos apicultores, além da abundância de flores existentes, excelente para a alimentação das mesmas.

E nada melhor do que a arte para chamar a atenção das pessoas. O artista britânico Wolfgang Buttress construiu uma escultura semelhante a uma colmeia, de 17 metros de altura, toda entrelaçada com 170 mil peças de alumínio. Dentro dela, os efeitos sonoros e visuais reproduzem a sensação de uma colmeia real.  A arte ficará exposta no jardim londrino até novembro de 2017, tudo para alertar as pessoas sobre o desaparecimento e a preservação das abelhas.

Para mais informações: http://www.kew.org/visit-kew-gardens/explore/attractions/hive

Compartilhar.

Sobre o Colunista:

Bossa Brazil Magazine

A Bossa Brazil Magazine, disponível gratuitamente a todos os leitores no Reino Unido, garante que nossos anunciantes sejam beneficiados 100% com o nosso público alvo. Os pontos de distribuição estarão espalhados pelo Reino Unido, incluindo estabelecimentos brasileiros, bares e restaurantes, centros culturais, escolas, cinemas, teatros, festivais e muito mais...

Deixar Mensagem