Turismo

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas    Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Lar de uma diversidade sem precedentes, a América Latina é um grande caldeirão de culturas  Os países que formam parte da América Latina são tão diferentes entre si quanto o são comparados com os de outros continentes. Mas, então, o que os une? Além da proximidade entre a maioria deles e da língua espanhola — com exceção do português falado no Brasil e do francês no Haiti —, talvez seja o jeito de ser dos habitantes, a alegria, o clima, o jeito mais relaxado do que o europeu, seus colonizadores, sua história, enfim… Um sem número de semelhanças entre…

Compartilhar.

Bem-vindos a primeira edição da revista BBMag Bossa Latinos! Olá leitores da BBMAG Esperamos que vocês estejam bem e em segurança nesta pandemia. Após cinco anos de sucesso com a revista BBMAG em inglês-português, a Bossa tem a honra de apresentar a sua mais nova edição: a Bossa Latinos, publicação bilíngue em inglês-espanhol, inteiramente dedicada à promoção da América Latina. Nesta edição apresentamos vários aspectos interessantes da região, exaltando os povos latinos e suas culturas, que são muito diversificadas. Por isso, nas páginas da Bossa Latinos você encontrará informações sobre música, gastronomia, turismo e cultura geral dessa área geográfica que…

Compartilhar.

Para o turista que procura relaxamento, bem-estar e saúde, as milenares termas naturais na Itália são um must  Seja para se desconectar do ritmo frenético da vida moderna ou usufruir dos benefícios das águas para a saúde, essas verdadeiras “minas de bem-estar” com acesso gratuito estão espalhadas de norte a sul e merecem uma visita. Aproveitar as excepcionais qualidades dessas águas remonta à Antiguidade, desde  etruscos e romanos, mas os balneários só começaram a ter mais visibilidade nos finais do século 19 e princípios do século 20, quando a aristocracia italiana fez com que os banhos termais se transformassem…

Compartilhar.

A Arena de Verona é famosa no mundo inteiro por ser um dos anfiteatros mais bem conservados da história, mesmo com seus 2000 anos Mundialmente conhecida como um dos maiores patrimônios históricos da humanidade, a Arena de Verona, na região do Vêneto, foi construída no século I depois de Cristo e se mantém imponente até hoje. Vista com deslumbramento por visitantes de diferentes nacionalidades e épocas, é um verdadeiro gigante arquitetônico que sobreviveu a três terremotos (nos anos de 1116, 1117, 1183), uma inundação (em 589) e várias guerras que a usaram como forte. Sua manutenção se deu também,…

Compartilhar.

O vinho espumante Prosecco é um dos produtos mais conhecidos da região do Vêneto A primeira menção formal ao nome Prosecco foi feita pelo viajante britânico Fynes Moryson ao descrever alguns dos vinhos mais famosos da Itália. Além disso, o que se sabe de fato é que o vinho foi muito produzido na região do Vêneto, especialmente em Treviso, Veneza, Vicenza, Pádua e Belluno – foi nesses lugares, inclusive, que a técnica de vinificação (o processo de transformação da uva para o vinho) do Prosecco foi empregada pela primeira vez. Até 2009, o nome Prosecco era também relacionado ao…

Compartilhar.
1 2 3 14