Passeios gratuitos em Londres

0

Quem disse que é preciso gastar uma fortuna para se divertir em Londres?

Sim, é possível passar dias incríveis, conhecer lugares deslumbrantes e interessantes sem gastar nada. Aproveite as nossas dicas e divirta-se muito!

 

1 – Portobello Road – Graças ao mercadinho que funciona todos os sábados, a Portobello Road se transformou em uma das ruas mais famosas de Notting Hill. O que poucos sabem é que é possível continuar explorando a rua além do mercadinho, onde existem lojas de antiguidade, de roupas, barracas de frutas e verduras, e restaurantes simpáticos, além das casas residenciais imersas em uma atmosfera bonita e amena.

 

2 – Camden Town – O bairro ainda possui muitos vestígios da época em que ficou conhecido por ser o reduto da cultura punk, o que pode ser notado através de muitos produtos vendidos no mercado. Além disso, há ótimos restaurantes. Ou então você pode, simplesmente, caminhar pela ponte que atravessa o Regent’s Canal.

 

3 – Piccadilly Circus – A região é um dos cartões postais de Londres. A estátua de Eros, juntamente aos outdoors luminosos, está no ponto inicial de uma das ruas mais movimentadas da cidade, a Regent Street, onde a variedade de lojas e comércio em geral fará com que você queira voltar outras vezes para explorar melhor todas as opções.

 

4 – Little Venice / Camden – O trajeto entre os bairros de Camden Town e Little Venice pode ser feito a pé, seguindo a margem do Regent Canal. Nesse percurso é possível observar várias das famosas casas-barco, que ficam atracadas nos dois lados do canal. Você pode fazer o trajeto indo de um bairro a outro, no sentido que preferir. Os mais empolgados podem, inclusive, andar até a estação central King’s Cross.

 

5 – Hampstead – Apesar de ser um bairro residencial, existem várias atrações turísticas, como a Fenton House, um grande e convidativo parque, o Hampstead Heath, e a Kenwood House, um museu cuja entrada é gratuita.

 

6 – Richmond – O bairro tem como principal atrativo o Richmond Park, para onde as pessoas vão principalmente para ver os majestosos cervos correndo. Além do parque, se pode visitar a Ham House e vários pubs e restaurantes nas ruas do bairro para que você aproveite o emblemático chá da tarde.

 

7 – Brick Lane – A rua concentra tudo que o leste de Londres oferece de melhor: gastronomia de qualidade, brechós e lojas independentes de todos os tipos. Os lugares mais famosos são as duas lanchonetes abertas 24 horas e a Cereal Killer Café, lanchonete que serve todos os tipos de cereal.

 

8 – Covent Garden – Outro local que concentra vários mercados, lojas e restaurantes, além de ser um ótimo lugar para se encontrar com os amigos e passear. Há muitos artistas de rua também, independente do clima e temperatura. Caso esteja com pique, é possível visitar a Royal Opera House e o London Transport Museum.

 

9 – Londres do alto – Londres é uma cidade relativamente plana, o que significa que os prédios altos se destacam com facilidade. Muitos deles são acessíveis e você pode aproveitar a vista da metrópole lá do alto, como o Sky Garden. Tanto o Royal Festival Hall quanto o último andar da Tate Modern são outras opções que também permitem, gratuitamente, a vista deslumbrante de Londres.

 

10 – Parques – Apesar da fama de cidade cinzenta, quase metade da área londrina é recoberta de vegetação. Os vários parques colaboram muito para esse percentual, dentre eles o Hyde Park, o Green Park, o Regent’s Park, o St. James’s Park, o Kensington Gardens e muitos outros. São, lógico, ótimos lugares para descansar e curtir o visual.

 

 

11 – Tower Bridge – O percurso, que dura em média 45 minutos, fará você atravessar a Tower Bridge, do lado norte ao lado sul, e então caminhar ao lado do Tâmisa. Esse caminho lhe mostrará várias estruturas famosas, como a Prefeitura de Londres, a Tate Modern, a Millenium Bridge, o Borough Market, Southbank Center e, por fim, a London Eye. Terminando na Westminster Bridge, é possível observar o imponente Big Ben e o Parlamento Britânico.

 

12 – Museus – O Reino Unido acolhe grandes museus, bibliotecas e centros culturais. Nomes como British Museum, Tate Modern e National Gallery são conhecidos mundialmente e alguns, como a Biblioteca de Londres, quebraram recordes mundiais em questão de tamanho e acervo. A melhor notícia é que as coleções permanentes possuem entrada gratuita e raramente fecham!

 

13 – Abbey Road – Dada à fama dos Beatles, o motivo desse lugar ser tão famoso dispensa comentários. Faça como todos os outros turistas do mundo: atravesse a icônica faixa e peça para alguém tirar uma foto.

 

14 – Catedral de Westminster – A catedral pode ser visitada gratuitamente, a menos que você queira subir até a parte mais alta para ter uma visão superior de Londres, aí sim é necessária a compra do ingresso. De qualquer maneira, vale a pena visitá-la só para ter um vislumbre da arquitetura.

 

15 – Palácio de Buckingham / Trafalgar Square – Uma caminhada pelo coração de Londres, na Trafalgar Square, reserva várias atrações culturais e enquadramentos perfeitos para os amantes de fotografia. Em frente ao Palácio de Buckingham se pode observar a troca de guarda. Ali pertinho está o Palácio de St. James, de onde saem soldados marchando até o Palácio de Buckingham, onde se juntam todos.

Compartilhar.

Sobre o Colunista:

BBMag Bossa Brazil Magazine

BBMAG Bossa Brazil Magazine is the only London-based bilingual publication specialised in Brazilian lifestyle.

Deixar Mensagem