Academia na adolescência: uma preocupação para os pais?

0

Será que faz mal? Será que prejudica o crescimento e a formação física? Existe algum risco?

Atualmente é muito comum que jovens queiram frequentar academias na adolescência. Às vezes o interesse começa cedo, em torno dos 12 anos e muitos pais se assustam e ficam com diversas dúvidas.

Na verdade, a malhação nessa faixa etária deve ser encarada como qualquer outra atividade física para evitar o sedentarismo e a obesidade. E, para isso, os exercícios devem ser com impacto e duração bem menor, além de ser supervisionado de perto por um profissional da área. Exercícios de musculação que visam o aumento de massa muscular não são recomendados.

Seguindo o treinamento apropriado, os exercícios podem trazer benefícios como melhor circulação cardiovascular, flexibilidade, melhora na capacidade motora, correção de postura e maior capacidade de concentração.

Procure um médico e veja com ele a melhor atividade para o seu filho. Se a opção for a malhação, é sempre bom ficar de olho, escolhendo bons profissionais e lugares de qualidade para matricular seu filho. E lembre-se que o mais importante é se exercitar e deixar o adolescente escolher algo que realmente lhe agrade.

 

By-Por BBMag

Compartilhar.

Sobre o Colunista:

BBMAG is the only London-based bilingual publication specialised in Brazilian and Latin American lifestyle. BBMag is free to all UK based readers ensuring that all our sponsors and advertisers benefit from 100% awareness to our given distribution audience made up of governments and establishments, industry organisations, bars and restaurants, arts centres, schools, cinemas, theatres, shows, festivals, events’ venues and many more...